Publicações de séries: Marketing na Prática

Email Marketing pro Dia das Mães: Dicas e Infográfico

Marketing na Prática • 11 de maio de 2018

Mães. Todos as temos. O Kanye West até faz rap sobre elas. A maioria de nós as ama. E pelo menos uma vez por ano, no Dia das Mães, fazemos questão de falar isso pra elas. Na verdade, ao menos 85 milhões de matriarcas celebraram o Dia das Mães em 2016. Mamma mia! É muito amor para ser compartilhado! Mostramos esse amor de diversas maneiras… $23,6 bilhões de dólares, para ser mais específico. Você também fica espantado quando vê esse número? Sempre me disseram que o que vale é a intenção, mas o consumidor médio gastou $172 no Dia das Mães em 2016. Com tamanhos números, não é surpresa que nós esperamos ver milhares de campanhas de email marketing em nossas caixas de entrada antes do Dia das Mães. Caso ainda não tenha planejado sua campanha para o Dia das Mães, ainda há tempo. Vamos te dar algumas dicas e te mostrar um infográfico para começar a se planejar para essa data. Além disso, temos alguns Templates de Email de Dia das Mães para te ajudar a começar. Dicas de Email Marketing para o Dia das Mães É claro que você pode ir na sua caixa de entrada e ver o que fez nos Dia das Mães dos anos anteriores. Isso te dará uma boa ideia do que você gostou ou não gostou e pontos que precisa melhorar. Por exemplo, será de grande ajuda se você conhecer quem do seu público irá comprar presentes nessa data, para que você possa focar suas campanhas neles. De acordo com o Fundivo, são pessoas entre 25 e 34 anos de idade. Também ajuda saber o que as mães mais desejam. Veja o que elas estão esperando: 36%  das mães dizem que querem algo feito com as próprias mãos. Percebe como a intenção é o que vale? 34,8% querem um jantar, mas não sei se ela quer sair ou que seja uma comidinha caseira. 22,5% acham que vão receber ao menos um cartão de felicitações. Lembre-se de adicionar uma nota especial em seu presente. 22,5% preferem o perfume das flores. Se você é como eu, irá procrastinar até ter que pagar aquelas taxas de frete exorbitantes. Planeje-se! Além do que as mães querem para o Dia das Mães, também ajuda considerar quem são as mães que estão celebrando. Esse grupo matriarcal é composto de mães e madrastas (63,9%), esposas (23,3%), filhas (10,7%), irmãs (8,7%) e avós (7,3%). É importante escolher bem suas linhas de assunto. Elas devem ser emotivas. Uma linha de assunto que aflora os sentimentos de seus inscritos terá taxas de abertura 21,5% maiores do que as campanhas de Dia das Mães que não o fazem. Ideias para Campanhas de Email de Dia das Mães Agora que você entende para quem está direcionando suas campanhas de email marketing de Dia das Mães, a pergunta que ainda fica no ar é: o que você deve enviar? Pegando umas dicas das campanhas de email você pode entender melhor o que deve enviar. As promoções mais comuns de dia das mães são frete grátis (55%), desconto (44%) e cupons (41%). Aqui vão algumas ideias para campanhas de email de Dia das Mães: Ofereça um guia de compras de presentes: Torne fácil para seus inscritos encontrar o presente perfeito para as pessoas que eles amam. Ofereça sugestões para todas as mães da vida de seus clientes. Esse guia de presentes de Dia das Mães da IfOnly foi feito para ajudar você a encontrar o presente perfeito para sua mãe. Algumas vezes, pode ajudar falar com um expert. Se você tiver construído um relacionamento de confiança com seus inscritos, eles ficarão felizes de seguir o guia que você criar. Inclua embrulhos especiais e cartões em suas vendas: Tire esse trabalho da mãe de seus inscritos e ofereça-se para embrulhar seus presentes, dando também a opção de eles incluírem um cartão personalizado. Dê um presente as suas clientes que são mães: Todas as empresas fazem isso. Sobremesa grátis em um restaurante, pipoca na faixa em um cinema… Suas clientes que são mães irão amar isso, e você ainda trará o resto da família para seu negócio. Oferecer uma refeição gratuita para uma mãe, como o  Table Table  fez nesse email, irá trazer o resto da família para seu restaurante no Dia das Mães. Infográfico de Email Marketing de Dia das Mães Juntamos todas essas estatísticas e dicas de Dia das Mãeas em um infográfico. Dê uma olhada, crie a campanha de email perfeito nesse dia das mães e conecte-se com seus inscritos que precisam de ajuda para encontrar o presente perfeito. Nós da Benchmark desejamos um excelente Dia das Mães para você e sua família! We’ve summed up all of these Mother’s Day stats and tips in a helpful infographic. Check it out, craft the perfect Mother’s Day email campaign and help your subscribers in need of the perfect gift. From all of us here at Benchmark, we wish a happy and healthy Mother’s Day to you and yours.  


Ler Mais
11 Marketing Automation Terms You Should Know

11 Termos de Marketing de Automação que Você Precisa Conhecer

Marketing na Prática • 7 de maio de 2018

Como já dissemos antes, o Marketing de Automação é a próxima fronteira do Marketing Digital. Isso significa que você está atrasado caso ainda não esteja se dedicando às suas automações. Talvez você já tenha se deparado com alguns termos que não te soam familiares. E, cá entre nós, os produtos SaaS podem conter jargões até demais. Se você tem curiosidade sobre o marketing de automação e quer acompanhar alguns dos termos da indústria, aqui estão 11 conceitos que acreditamos que você deve saber: 1. Gatilho / Trigger / Ponto de Entrada Não, isso não tem nada a ver com armas. O gatilho é onde uma automação começa, com base em determinadas ações, como por exemplo adicionar contatos a uma lista específica, enviar um email ou até mesmo com base em ações tomadas por um contato ou um grupo de contatos. 2. Visitante Um visitante é um usuário anônimo que visita seu site. Seu objetivo deve ser ao menos obter o email dessa pessoa. Uma vez que você obteve seu email, você tem um contato ou lead. 3. Condição Dentro da sua automação, você pode definir as condições para cada uma das ações que você deseja que ela execute. Isso significa que você pode segmentar os contatos com base em seu engajamento com os emails que você enviou anteriormente na mesma automação, segmentos do qual eles já fazem parte ou até mesmo as interações deles com seu site. [caption id=\"attachment_9943\" align=\"aligncenter\" width=\"1400\"] Estas são algumas das condições que você pode usar ao criar uma série de emails para se comunicar com seus contatos usando o Automation Pro.[/caption] 4. Contato, Lead ou Prospect Qual dos três termos você utiliza provavelmente depende do segmento com o qual você trabalha. O que isso significa para você é que, uma vez que um visitante te der suas informações de contato, ele se torna um lead. 5. Lista Em Marketing de Automação, uma lista é a coleção de contatos ou endereços de email que lhe permitirão se comunicar com eles. 6. Segmento Um segmento é o resultado do processo de organização de sua lista. Isso significa separar seus contatos e público-alvo em grupos de necessidades específicas, preferências e até mesmo experiências desejadas. [caption id=\"attachment_9944\" align=\"aligncenter\" width=\"1400\"] Para alcançar uma maior taxa de sucesso com base em seus objetivos, segmente seus contatos para garantir que cada email atinja o público-alvo o mais certeiro possível. Isso mantém sua automação de email relevante.[/caption] 7. Drip Uma “drip campaign” é um outro nome para uma automação de email. Ambos esses conceitos nada mais são que uma série programada de emails a serem enviadas em um determinado período. 8. Jornada / Flow do Email Toda automação que você inicia deve ser baseada em metas, portanto o “flow” é o que você colocaria como passos ou etapas que sua automação precisa ter para alcançar um objetivo específico. 9. Meta Conforme mencionado acima, cada automação deve ter um resultado claro desejado, onde algumas das metas mais comuns são: Onboarding: ensinar seus inscritos como usar seu produto Engajamento: incentivar seus inscritos a interagir com sua empresa Retenção: Fazer com que seus clientes sempre voltem a sua marca ou empresa Re-engajamento: incentivar clientes ou inscritos a voltar a usar seu produto caso tenham parado Na realidade, existem muitas outras possibilidades. 10. Formulário de inscrição Você já deveria ter um desses em seu site, mas, caso contrário, um formulário de inscrição permitirá que você colete informações de contato de seus visitantes para poder criar campanhas voltadas a eles. 11. Automation Pro Esta é a ferramenta mais prática do mercado para gerenciar e criar seu marketing de automação (O quê? Você pensou que eu não usaria essa oportunidade para falar sobre nossa incrível ferramenta?). Clique aqui para saber mais. Bem, aí está. O marketing de automação está se tornando cada vez mais onipresente. Logo, este é um bom começo para você ter uma idéia do que significam os termos mais usados do mercado. Existem outros conceitos que você ainda não conhece relacionados à automação? Deixe um comentário abaixo e com certeza responderemos qualquer dúvida.


Ler Mais

Marketing de Automação: Promoção e Follow-up

Marketing na Prática • 27 de abril de 2018

Se você estiver usando um serviço de email marketing, você está promovendo algo. Pode ser um boletim informativo, a última postagem em seu blog, atualizações sobre sua empresa e atualizações de serviços ou produtos que você oferece. Email Marketing é a ferramenta perfeita para anunciar, promover e manter sua base atualizada sobre tudo. O truque é enviar o email certo, para a pessoa certa, na hora certa. Com o Marketing de Automação e o Automation Pro você pode fazer exatamente isso! Digamos que você esteja envolvido com uma organização local sem fins lucrativos e é solicitado que você crie uma campanha para arrecadar fundos no futuro. Seria incrível se você pudesse enviar apenas um email e ter doações fluindo sem precisar fazer outra arrecadação mais para a frente, não é mesmo? Bem, pode ser que isso aconteça, mas é muito improvável que apenas um email cause tamanho impacto. Ao administrar um evento de arrecadação de fundos (ou em qualquer divulgação), você precisa enviar várias mensagens através do máximo número possível de canais. Não é porque seus seguidores não se preocupam com a sua causa ou divulgação, mas para evitar o contato com eles em um momento ruim ou até mesmo que sua mensagem seja apresentada de uma maneira que não se relacione com eles. É por isso que é importante alcançar seu público através de diversos canais e com mensagens diferentes. Crie uma lista de motivos convincentes pelos quais seus inscritos podem se relacionar e promova-os por meio de vários canais seguindo um enredo coeso. Vamos dar uma olhada em uma das campanhas de arrecadação de fundos de maior sucesso: as Campanhas do ex-presidente dos Estados Unidos, Barack Obama. Ao longo de seus dois mandatos, a administração de Obama conseguiu arrecadar US$ 1,4 bilhões, tendo email e mídias sociais como seus principais canais de divulgação. Isso não aconteceu por acidente ou por pura sorte. Este foi o resultado de muito trabalho e planejamento. De landing pages personalizadas a linhas de assunto intrigantes e baseadas na ação, eles criaram uma receita para o sucesso, efetuando incontáveis testes para encontrar maneiras eficazes de se relacionar com seus doadores. Estratégia de Email Marketing Falando apenas sobre o emai, o Marketing Sherpa entrevistou Toby Fallsgraff, Diretor de Email da campanha \"Obama for America\". Toby e sua equipe ajudaram a arrecadar US$ 690 milhões somente para a campanha de 2012, com mais de 4,5 milhões de pessoas doando uma média de US$ 53. Muitas delas doaram mais de uma vez. O governo Obama tinha quatro segmentos principais: Doadores anteriores, que já haviam doado em 2012. Doadores Rápidos, que doaram e salvaram suas informações de pagamento. Não-doadores, assinantes que ainda não doaram. Doadores indecisos, que doaram em 2008 mas ainda não em 2012. Mantendo um segmento simples de quatro categorias, eles conseguiram enviar mensagens claras e diretas para cada público, mantendo seu foco principal. Assim que encontraram padrões, ficava fácil automatizar. Um exemplo de automação de email que eles usaram foi o link para \"doadores rápidos\". Doadores rápidos eram as pessoas que salvavam suas informações de pagamento no momento da doação. Toby e sua equipe incentivaram esse comportamento enviando adesivos grátis e outros brindes. Isso permitiu que aproveitassem essa oportunidade simplesmente adicionando um link de \"doação rápida\" aos emails de agradecimento após a doação de uma pessoa. Como o doador salvaria suas informações de pagamento, a equipe de Toby incluiria a opção de doar novamente com um simples clique. Nada de formulários para preencher ou tempo perdido, apenas o trabalho de dar um clique. Ao fazer isso, eles viram um aumento de 300% nas conversões. Nesse caso, eles usaram o poder da automação de email para garantir que a mensagem de agradecimento fosse enviada imediatamente, com os links de acompanhamento corretos para receber mais doações. Eles escolheram esses segmentos principais pois seus estudos indicaram que o envio de emails de follow-up baseados no comportamento era a estratégia com maior índice de sucesso, e portanto a que deveria ser implementada. Landing Pages Quando se trata de landing pages, a Kissmetrics fez um estudo sobre como elas se relacionavam com as mensagens. O que encontraram foi muita personalização! De landing pages personalizadas relacionadas as suas campanhas (Obama participou de uma sessão no Reddit de “Pergunte-me Qualquer Coisa” por 30 minutos): À inclusão do estado onde moravam os visitantes do site no momento da inscrição:   Estes pequenos detalhes podem fazer uma grande diferença! A equipe de Obama realizou centenas de testes para garantir que a estratégia mais efetiva fosse implementada e descobriu que a personalização e os follow-ups comportamentais eram essenciais para uma campanha de divulgação bem-sucedida. A boa notícia é que tudo isso anda de mãos dadas com o marketing de automação. O marketing de automação por email pode parecer intimidante ou algo que consumirá muito de seu tempo, mas na realidade não precisa ser assim. A campanha \"Obama for America\" conseguiu arrecadar mais de US$ 690 milhões em menos de seis meses, com apenas quatro segmentos principais de sua lista. Nada muito louco ou super complicado: eles apenas enviaram as mensagens certas, para as pessoas certas e na hora certa. Então, o que isso significa para você? Você vai atingir esses resultados? Eu certamente espero que sim! Para começar, incentivamos você a usar o Automation Pro com nossos novos templates. Com o Automation Pro, você pode facilmente criar follow-ups baseados em comportamento a partir do engajamento das pessoas com emails anteriores ou com seu site, permitindo que automatize mensagens com base em determinadas páginas que seus assinantes visitam ou com base na abertura de um email. Para promover algo, criamos quatro modelos principais no Automation Pro. Promover e Focar em Aberturas. Esse template é focado em promover algo e atingir seus emails abertos/não abertos para acompanhamento. Observe que após o envio do email, temos uma condição para verificar se ele foi aberto. Em seguida, enviamos os assinantes que abriram ou não o email para listas separadas, para fazer um follow-up no futuro. Promover e Focar em Cliques. Permite promover algo e focar em seus cliques para acompanhamento. Parece o mesmo que o modelo de \"aberturas\", mas se concentra no engajamento por meio de cliques. Nesse modelo, após o envio de um email, temos uma condição para verificar os cliques. Em seguida, enviamos os inscritos que clicaram e os que não clicaram para listas separadas para um follow-up no futuro.      3. Promover e Focar em Aberturas, Cliques e Engajamento do Site. Permite promover algo e focar em contatos que cumpriram com todos os requisitos: realizar o acompanhamento baseado em emails abertos/não-abertos, clicados/não-clicados e visitas ao site. Aqui, após o envio do email, temos uma condição para verificar se houve aberturas, cliques e engajamento com o site. Em seguida, colocamos cada grupo de inscritos em listas separadas para futuros acompanhamentos.      4. Série de Follow-up. Esse template é usado para acompanhar automaticamente cada um dos grupos-alvo (Aberto ou Não Aberto, Visitou o Site ou Não Visitou o Site, etc.). Já que uma automação pode ser engatilhada assim que alguém for adicionado a uma lista, uma vez que você envie uma campanha e separe os inscritos engajados dos não-engajados, você pode usar esse modelo para criar uma nova automação e fazer o follow-up com esses assinantes à medida que eles forem adicionados à lista. Criamos estes quatro templates para permitir que você comece com o que se sentir mais confortável. Se você é novo no universo do marketing de automação, comece apenas com o template de Promover e Focar em Aberturas. Depois de pegar o jeito, você irá rapidamente passar para o próximo. (Cuidado, pode ser viciante!) Veja quais são os conhecimentos principais que eu gostaria que todos saíssem desse blog carregando consigo: Identifique o que funciona, ou em outras palavras, seu “processo comprovado”. Você faz isso através da criação de um plano, \"brainstorming\" e então testando. Teste o máximo possível e comece a automatizar o que puder conforme for identificando padrões. Comece pequeno. Certifique-se de começar com automações simples com as quais se sinta confortável. Crie uma Série de Boas-Vindas (artigo em inglês) ou uma divulgação que tenha um follow-up simples dos emails não-abertos. Mantenha sua automação curta. Não há problema em ter um processo de vendas completamente automatizado, mas não faça tudo com uma única automação. Defina metas curtas e faça com que cada automação se integre com outra. Como exemplo, a campanha de Obama poderia ter um envio de automação uma vez por semana para aqueles que não doaram. Depois de doar uma vez, eles podem tentar salvar as informações de pagamento para promover o email automático de \"Doação Rápida\". Aprenda a ouvir seus inscritos e crie campanhas atraentes com as quais seus seguidores podem se relacionar. Adote os follow-ups baseados no comportamento! Obrigado pela leitura! Espero que tenha gostado deste blog e que ele lhe seja útil! Se você tem ideias de automações para implementar ou histórias de sucesso para compartilhar, gostaríamos de te ouvir! Comente abaixo e conte-nos como você automatiza seu email marketing.


Ler Mais
一般資料保護規定

Adapte sua Estratégia de Email Marketing ao GDPR

Marketing na Prática • 26 de abril de 2018

No dia 11 de abril de 2018, realizamos um webinar em inglês abordando os pontos-chave em que o novo Regulamento Geral de Proteção de Dados (GDPR) pode afetar sua estratégia de email marketing. Não se esqueça de que o GDPR entrará em vigor no dia 25 de maio de 2018, então sua estratégia de email marketing deve estar de acordo com as novas normas até lá. Nota do editor: a Benchmark fornece informações durante o webinar e neste artigo apenas para fins informativos. Tais informações não podem ser entendidas como aconselhamento jurídico. Para obter conselhos sobre qualquer assunto ou aspecto relacionado ao GDPR, você deve entrar em contato com seu advogado. Qual é o objetivo do novo GDPR? O principal objetivo do novo GDPR é fornecer aos usuários controle final sobre seus dados pessoais. Quais benefícios o novo GDPR fornece? Um continente, uma lei: uma única lei pan-europeia para a proteção de dados, substituindo as atuais e inconsistentes leis nacionais. As empresas lidam com apenas uma lei, não com 28. “One-stop-shop”: Uma \"one-stop-shop\" para empresas. As empresas terão de lidar apenas com uma única autoridade de supervisão e não com 28, tornando mais simples e mais barato para as empresas fazerem negócios na União Europeia. As mesmas regras para todas as empresas - independente de onde são baseadas: Atualmente, as empresas europeias têm de aderir a normas mais estritas do que as empresas estabelecidas fora da UE, mas também realizando negócios no nosso mercado único. Com a reforma, as empresas sediadas fora da Europa terão de aplicar as mesmas regras quando oferecerem bens ou serviços no mercado da UE. Isso cria um campo de jogo nivelado. Neutralidade Tecnológica: o regulamento permite que a inovação continue a prosperar sob as novas regras. Funções e restrições no tratamento de dados pessoais O GDPR estabelece a responsabilidade sobre o “controlador”, que assume a responsabilidade da aplicação do Regulamento. O controlador é quem determina os propósitos e meios do processamento de dados pessoais. Como consequência, o controlador também deve garantir que o modo como os dados pessoais são tratados está em conformidade com o GDPR. Se o controlador, por exemplo, decidir usar a Benchmark como um software de email marketing, ele deve garantir que as ferramentas fornecidas pela Benchmark sejam compatíveis com o GDPR, garantindo o direito de retificação, acesso ou eliminação. Como você provavelmente sabe, a Benchmark fornece essa opção através do link \"Gerenciar assinatura\", que, no entanto, não aparece como obrigatório no rodapé do email. Portanto, é responsabilidade do controlador ativá-lo e adicioná-lo. Nesse cenário, a Benchmark é apenas um simples software de processamento de dados. Consentimento Até agora, quando um assinante se inscrever através de nossos formulários de inscrição, não era obrigatório informá-lo sobre a finalidade das atividades de processamento de dados a serem realizadas. O GDPR menciona que o consentimento deve ser dado por um claro ato afirmativo, estabelecendo uma indicação livre, específica, informada e inequívoca do acordo do titular dos dados, e deve cobrir todas as atividades de processamento realizadas para o mesmo fim ou propósitos. Quando o processamento tem múltiplos propósitos, o consentimento deve ser dado para todos eles. Além disso, quando o processamento é baseado no consentimento do titular dos dados, o controlador deve ser capaz de demonstrar que o titular dos dados deu o consentimento para a operação de processamento. Coleta O GDPR defende a simplicidade na coleta de dados. Como profissionais de marketing, tendemos a solicitar mais detalhes do que o necessário (por exemplo, para enviar um boletim informativo semanal simples). Este novo Regulamento incentiva a coleta mínima possível para a estratégia de marketing atual e a não solicitar dados desnecessários que possam (ou não) ser úteis no futuro. Acesso O controlador deve conceder a fácil execução dos direitos do titular dos dados, incluindo mecanismos para solicitar e, se for o caso, obter gratuitamente, em particular, acesso, retificação ou exclusão de dados pessoais e o exercício do direito de oposição. Tratamento de dados pessoais O controlador deve informar ao titular dos dados a existência da operação de processamento e os seus objetivos para garantir um processamento justo e transparente. Como a Benchmark está em conformidade com o novo GDPR? “Direito de ser esquecido” Este direito é uma das maiores alterações deste regulamento. Pela primeira vez, este direito é regulado e obriga o controlador a remover completamente os dados, caso o titular dos dados o solicite. Para exercer o direito de ser esquecido, temos dois cenários diferentes: Benchmark | Cliente No caso de qualquer um dos clientes da Benchmark desejar ser “esquecido”, ele precisará solicitar a exclusão da gravação de dados para support@benchmarkemail.com e assim prosseguiremos com a eliminação deles. Benchmark | Cliente | Inscrito Qualquer um dos inscritos de nossos clientes pode solicitar a exclusão de suas listas e registros. É responsabilidade do cliente excluir o assinante de nossos (e outros) sistemas, com uma exceção: se o assinante já tiver cancelado a inscrição, o cliente não poderá remover os dados da lista principal de remoção de inscrições. Se isso acontecer, o cliente deve encaminhar o email do usuário para support@benchmarkemail.com e prosseguiremos com a eliminação do assinante da lista. Acessibilidade / retificação / cancelamento de assinatura O controlador deve incluir a opção \"Gerenciar assinatura\" nas campanhas: Adicionando esta opção, o cliente dá ao sujeito dos dados a opção de acessar, retificar e cancelar a assinatura de seus dados. Quando o assinante clicar nesse link, ele encontrará esta tela: O assinante pode exercer seus direitos aqui. Na Benchmark, estamos atualmente nos preparando para permitir que o titular de dados possa corrigir o restante dos campos e não apenas o email, nome e sobrenome. Consentimento Também estamos atualizando nossos formulários de inscrição para estar em conformidade com o GDPR antes do prazo final em maio. Vamos incluir a caixa de seleção obrigatória vinculada à política de privacidade do controlador. Transferência internacional de dados pessoais: O artigo 45º diz que a transferência de dados pessoais para um país terceiro ou uma organização internacional pode ter lugar quando a Comissão tiver decidido que o país terceiro, um território ou um ou mais setores especificados nesse país ou organização em questão garantem um nível adequado de proteção. Tal transferência não exigirá nenhuma autorização específica. Esta transferência internacional de dados pessoais é garantida pelo Acordo EU-US Privacy Shield, cuja certificação a Benchmark possui: Política de privacidade Estamos adaptando nossa política de privacidade para estar em conformidade com o GDPR. Nas próximas semanas, enviaremos um email com as atualizações para todos os nossos clientes. Localização de servidores Nunca antes foi uma obrigação ter servidores na Europa, mas com o novo GDPR é ainda menos necessário. Um dos objetivos do GDPR é equiparar a proteção de dados que as empresas européias estão cumprindo com a que as empresas estrangeiras aplicam, de modo que todas as empresas sejam obrigadas a competir em igualdade de condições. Encontre a gravação do nosso Webinar aqui (em inglês): RGPD - EN - bmesrv Se este artigo foi interessante para você, compartilhe com seus amigos!


Ler Mais
Newsletter Templates

Isso É o que Acontece no Coração dos Grandes Templates de Newsletters

Marketing na Prática • 1 de março de 2018

Para muitos, a porta de entrada para o email marketing são as newsletters. É um tipo de campanha e template que quase todas as pessoas conhecem pois recebem esse tipo de email em sua caixa de entrada todos os dias. Na verdade, as newsletters são o tipo de campanha por email mais utilizadas. De acordo com a Pardot, 66% das empresas que usam email marketing enviam newsletters, seguido de 54% que enviam conteúdo promocional e 42% que enviam emails de boas-vindas. Para o profissional do marketing que quer começar uma newsletter do zero ou revitalizar a sua atual, podemos afirmar que tudo começa com o template. Nós entendemos que entre o email marketing, as redes sociais, o PPC, as campanhas de retargeting e as muitas outras estratégias de marketing que deseja seguir, você pode não ter tanto tempo quanto gostaria para navegar entre os muitos templates de newsletter oferecidos pela Benchmark. Uma abordagem prática para selecionar o modelo certo é saber o que os outros estão fazendo bem. É por isso que selecionamos algumas de nossas favoritas como exemplos de newsletters bem-sucedidas. Templates que Informam Thrillist Essa é uma newsletter diária que leio todas as manhãs, sem falta. Por conta dessa freqüência, eu sei que a matéria principal do Thrillist é sempre o conteúdo mais recente ou no topo publicado naquele dia. Às vezes eu leio essa matéria antes mesmo de sair da cama. Ela me informa sobre os melhores novos restaurantes, os eventos que acontecem em minha cidade e, às vezes, histórias insanas de barmen, garçonetes ou comissários de bordo. O template cumpre seu papel em compartilhar conteúdo e me informar sobre o que posso fazer à noite. Veja só: Templates que Vendem Bullymake Bullymake enquanto buscava brinquedos para mastigar que minha pitbull não destruísse em minutos. Eu rapidamente me identifiquei com a empresa. Depois de dois meses como assinante, eu já possuía um estoque enorme de brinquedos indestrutíveis. Decidi cancelar minha inscrição com eles, mas não deixei de seguir suas newsletters. Isso porque seus templates permitem a eles conectar-se comigo de uma maneira emocional através do meu amor por cachorros... ...e ainda fazem um bom trabalho em me mostrar o que posso comprar além do modelo de assinaturas deles. Além disso, a seção abaixo também vende o seu modelo de assinaturas. Templates que Engajam ActionRocket Esta newsletter semanal da ActionRocket é chamada de #emailweekly. O template possui o mesmo bloco superior com uma cópia personalizada que te dá as boas vindas todas as semanas. Em seguida, existem seis blocos compartilhando as postagens de email marketing favoritas da semana que passou. Se eu estivesse escrevendo este post há dois meses, eu mostraria este modelo na categoria de Templates que Informam: No entanto, os gênios de email marketing da ActionRocket seguiram um caminho que gera engajamento entre seus assinantes. Eles fazem um “redesign” contínuo de sua newsletter semanal.Deve-se notar que uma longa história de newsletters semanais de qualidade lhes deu o direito de experimentar coisas novas com seus inscritos. Devido a isso, espero ansiosamente por cada nova newsletter semanal para ver o progresso mais recente no “redesign” deles. Inscreva-se também para ver como está evoluindo o template da #emailweekly. O que aprendemos? Uma boa newsletter possui um conteúdo que gera engajamento além do comum, através daquela recepção calorosa ou uma história que te prende desde o início. Ela também te permite compartilhar conteúdo que te ajuda a atingir sua meta ao produzir uma newsletter. Ao responder às seguintes perguntas simples, você saberá como escolher o melhor template de newsletter para sua empresa: - O template te ajuda a atingir a meta principal de sua newsletter? - O template se alinha com seu branding? - O layout lembra o design de seu website ou ao menos possui um feeling similar? Pronto para Colocar o que Aprendeu em Prática? Faça login ou crie uma conta para escolher ou montar um template que melhor funcione para você! Feedback Vamos adorar receber algumas dicas ou saber como você faz para escolher seus templates. Ainda melhor, compartilhe seus exemplos pessoais na seção de comentários abaixo!


Ler Mais
1 2 3 4 7