Publicações de séries: Marketing na Prática

Como Aumentar Sua Lista de Emails com Chatbots

Como Aumentar Sua Lista de Emails com Chatbots

Marketing na Prática • 28 de maio de 2019

Com o aumento de popularidade dos chatbots, especialmente após o surgimento de recursos apoiados por IA (inteligência artificial), suas possíveis aplicações no mundo dos negócios continuam a crescer. De acordo com Gartner, 55% de todas as empresas estarão usando chatbots até 2020. Essa pesquisa da Forrester descreve o crescimento dos chatbots como “louco”, afirmando que “Bots são mais fáceis de desenvolver do que aplicativos e são uma maneira de alcançar os clientes onde eles gastam a maioria de seu tempo”. Um dos usos mais pertinentes dos chatbots no momento está na área de automação. Os bots são capazes de lidar de forma autônoma com conversas de atendimento ao cliente, responder a perguntas e coletar dados úteis do consumidor. Um dos componentes mais importantes desses dados é o email. Embora possa parecer um pouco antigo, o email marketing ainda está bem vivo, e os chatbots são uma das formas mais fáceis e eficazes de nutris essa inestimável lista de emails. Por Que Usar Chatbots? Os chatbots se tornaram muito populares, com mais de 1,3 bilhões de pessoas usando os bots de mensagens do Facebook. O relatório do State of Conversational Marketing da Drift descobriu que pessoas de todos os 195 países usam chat online. O que explica essa popularidade? Por todas as contas, um bate-papo é mais conveniente, mais rápido e mais prontamente disponível do que qualquer outra forma de comunicação. Como Forrester observou, esses bots existem em lugares onde os clientes já estão despendendo a maior parte de seu tempo - em mídias sociais e online. Isso torna os chatbots uma maneira fácil de se conectar com os usuários em um nível mais pessoal e dá a eles uma interação satisfatória. Chatbots são uma ótima maneira de colocar seu pé na porta e obter endereços de email para adicionar à sua lista de assinantes. Se você não estiver usando os chatbots para impulsionar suas campanhas de marketing por email, talvez esteja perdendo muitos leads em potencial. Como Obter Endereços de Email? De acordo com a Optinmonster, “O email é uma coisa muito pessoal. As pessoas não vão lhe fornecer seus endereços de email sem um bom incentivo”. Os chatbots permitem segmentar públicos-alvo específicos e fornecer informações valiosas e personalizadas. No entanto, simplesmente iniciar um bate-papo não é mais suficiente para levar os usuários a entregar seus endereços de email. Usar a lfrase \"no caso de sermos desconectados\" não funciona mais. Os usuários precisam ser atraídos por informações relevantes, que os entretenham e encantem. Dê um Incentivo aos Seus Usuários No mundo do marketing digital, os endereços de email são como uma moeda. Para que os usuários entreguem o endereço de email, você deve fornecer algo igualmente valioso para eles em troca. Os chatbots podem oferecer incentivos que podem beneficiar os clientes, como e-books, questionários, podcasts, conteúdo exclusivo para membros, demonstrações de produtos, promoções ou até mesmo ofertas experimentais de produtos. Por exemplo, se você tiver um chatbot para uma loja de roupas, ele poderá fornecer informações específicas sobre determinados itens, além de dar conselhos, como dicas de moda. Ele também poderia oferecer incentivos adicionais, como inspiração diária de roupas, ofertas especiais e descontos para que usuários forneçam um endereço de email. Ao fazer isso, os bots agregam valor suficiente aos clientes para incentivá-los a darem suas informações pessoais. Certifique-se de que os Bots Executam o que Eles Foram Criados Para Fazer É obrigatório que seus bots façam exatamente o que estão programados para fazer e forneçam informações relevantes e respostas aos clientes. Cada mensagem é vital para uma interação bem-sucedida e pode ser a diferença entre um cliente engajado e um desinteressado. Um componente importante dos chatbots que precisa ser sempre relembrado é que os usuários optam pela comunicação por bate-papo porque ela é mais rápida, mais fácil e mais direta. Mensagens complicadas ou muitas etapas antes de abordar o objetivo principal irão provavelmente desinteressar seus clientes. Por exemplo, o chatbot do supermercado Whole Foods visa ajudar os clientes a encontrar receitas. Os bots vão direto ao ponto, respondem aos prompts e conduzem a conversa para ajudar os usuários a obter exatamente os tipos de comida e receitas que estão pesquisando. O chatbot faz o que deve fazer e se alinha diretamente com as expectativas do usuário durante toda a conversa. Não Peça um Email Imediatamente O momento em que um cliente está mais propenso a dizer \"não\" é no início de uma conversa. Não cometa o erro de pedir pelo endereço de email assim que a conversa se iniciar. Ao invés disso, gere um engajamento genuíno com seus usuários. Uma conversa divertida pode ajudar muito a conquistar a confiança de um usuário e mantê-lo interessado até que o momento certo se apresente. Crie bots com personalidade, como este chatbot da National Geographic: Quanto mais tempo um cliente passar conversando com seus bots e construindo um relacionamento, maiores as probabilidades de ele fornecer seu endereço de email no final da conversa. Comece com bots pedindo o nome e as preferências de um usuário, crie um diálogo divertido e vá indo lentamente até a grande pergunta: “Poderia me dar seu endereço de email?”. Depois que os clientes disserem \"sim\" às outras perguntas e se engajarem positivamente com um chatbot, eles estarão muito mais propensos a continuar dizendo \"sim\". Agora que Você Tem os Emails, Para Onde Eles Vão? Receber endereços de email é a tarefa mais difícil. Mas, depois de tê-los, é importante ter um sistema que ajude você a organizá-los e utilizá-los de maneira eficaz. Existem muitos programas disponíveis que podem ser integrados ao messenger do Facebook ou a outros chatbots para criar automaticamente listas de inscritos. Com a interconexão entre esses programas e sua plataforma de email marketing, os chatbots podem criar sua lista de inscritos e enviar emails para suas campanhas automaticamente. Plataformas como a Benchmark têm a capacidade de receber os emails reunidos por seus bots, classificá-los e enviar emails no momento mais oportuno, agregando valor a cada usuário e garantindo que seus inscritos permaneçam em sua lista ao invés de pedirem para desinscrever-se. Considerações Finais Os chatbots são uma forma de falar com seus clientes em um ambiente no qual eles já se sentem confortáveis. Os recursos incorporados a esses bots permitem que eles interajam intuitivamente com os usuários, criando uma experiência positiva para o cliente. Eles criam uma oportunidade perfeita para promover uma conexão pessoal com os usuários e coletar dados valiosos de clientes, especialmente endereços de email. Ao fazer isso, os chatbots são a maneira perfeita de aumentar sua lista de inscritos.


Ler Mais
O que Fazer Quando Seu Email de Boas-Vindas Não Gera Engajamento

O que Fazer Quando Seu Email de Boas-Vindas Não Gera Engajamento

Marketing na Prática • 16 de maio de 2019

Pesquisas mostram que formamos nossa primeira impressão em até 27 segundos após conhecermos alguém. Ao conhecer alguém online, acontece exatamente a mesma coisa. Bem, na realidade, isso ocorre muito mais rápido. Consumidores podem decidir se gostam de sua empresa ou se desejam ler seu email em questão de milissegundos. É por isso que seu email de boas-vindas precisa chamar atenção. Um email de boas-vindas é uma oportunidade perfeita para causar uma ótima primeira impressão em seus novos inscritos. No entanto, criar um email de boas-vindas atraente é mais fácil na fala do que na prática, especialmente se você não é um escritor nato ou não tem tempo ou orçamento para contratar alguém para fazer algo que pareça bom o suficiente. O perigo em escrever um email de boas vindas é que sua marca pode parecer muito agressiva, maçante demais ou simplesmente estranha. Um email de boas vindas ruim é o equivalente à ficar de canto em uma festa sem falar com ninguém e segurando uma tigela de salgadinhos como se fosse uma capa da invisibilidade. Se você está preocupado em como seu email de boas-vindas está sendo recebido, não fique assim. Aqui estão algumas das nossas principais dicas sobre o que fazer quando seu email de boas-vindas não estiver gerando engajamento. Mantenha a Simplicidade Um email de boas-vindas é (ou deve ser) a primeira comunicação entre sua empresa e um inscrito. Aproveite esta oportunidade para impressioná-lo, mas também se apresente de uma forma refrescante, como este email agradável de boas vindas da Virgin America: Você não quer assustar seu cliente em potencial antes mesmo dele comprar qualquer coisa. Oferecer um monte de informações irrelevantes e desnecessárias para eles no primeiro email pode ser demais. Imagine que você está em uma festa na casa de um amigo. É como se você conhecesse uma pessoa do lado da geladeira e mergulhasse de cabeça em um monólogo onde você conta todos os pequenos detalhes de sua vida. Na menor das hipóteses, o seu novo conhecido largará a taça de vinho por ali e fugirá. Mantenha a simplicidade: às vezes, apenas um olá amigável é o suficiente para começar. Seja claro e conciso - apresente-se, diga obrigado por se inscrever e inclua um call-to-action (CTA ou convite à ação). O resto virá mais tarde em outros tipos de emails quando você começar a cultivar um relacionamento significativo com sua base, mas, por enquanto, menos é mais. Conte uma História Atraente Se você acha que falta “alma” em seu email de boas-vindas, então uma maneira infalível de introduzi-la é contar uma história aos seus assinantes. Contar histórias é uma maneira poderosa de se conectar com os consumidores, comercializar sua marca e vender seu produto. Ao contar histórias em seu email de boas-vindas, você pode criar uma narrativa envolvente e emocionante que aproxima seu público e cria uma experiência compartilhada entre eles e sua marca. Você pode fazer isso de várias maneiras, contando a história por trás de como sua empresa começou, apresentando sua equipe, mencionando clientes que já ajudou ou até mesmo incluindo uma foto do cachorro do escritório. A marca de design Ugmonk usou uma narrativa em seu email de boas-vindas para tornar sua cópia criativa, autêntica e emotiva: Pense que escrever um email de boas-vindas é como escrever um livro. Você precisa de personagens convincentes (sua equipe ou seus clientes), um enredo matador (sua história de origem da marca) e uma escrita decente. Esse blog post da Jericho Writers sobre como escrever um livro detalha muito bem os componentes de uma ótima história. Aplicar esses pontos ao seu email de boas-vindas ajudará você a tratar o conteúdo de seu email de maneira mais criativa. É isso que vai acertar em cheio os seus inscritos. Uma narrativa vibrante e emotiva persuadirá os leitores a gostarem de você, o que levará à confiança, o que levará a conversões. Você pode até mesmo incorporar um vídeo introdutório divertido, se quiser. A narrativa visual é uma maneira muito eficaz de capturar a atenção de seu inscrito e injetar um pouco de diversão e personalidade em seu email. A chave é ser emotivo, engraçado ou inspirador. Você quer capturar seus corações, assim como seus endereços de email. Aproxime-se de Seu Cliente e Inicie Conversas Ao se aproximar do cliente você irá garantir que seu email de boas-vindas tenha muita personalidade. Você pode fazer isso de várias maneiras. Em primeiro lugar, a definição de um tom de conversa amigável deixará seus leitores à vontade e os deixará mais propensos a continuar a conversa. De volta à analogia da festa: quando você conhece alguém novo em uma festa, você quer causar uma boa impressão. Você tentaria ser amigável e envolvente, porque quer que eles gostem de você, certo? É o mesmo com um email de boas-vindas, exceto que, nesse caso, você tem potenciais vendas nessa conversa. Quando você estiver escrevendo seu email de boas-vindas, tente canalizar essa interação genuína e individual. As pessoas querem conhecer você. Elas querem conhecer os rostos por trás da marca - isso faz com que sua empresa pareça mais humana e empática, ao invés de ser apenas um negócio sem um rosto. A HelloPrint acertou em cheio quando adicionou esta incrível seção introdutória ao seu email de boas-vindas: Seja gentil. Assine seu email como uma das pessoas reais da sua equipe que cuida de seus clientes. Uma introdução calorosa e amigável como essa evita que você fique anônimo e permite que os clientes coloquem um rosto na sua marca. Se você usar uma plataforma de email marketing para criar seus emails, você também poderá aproveitar ao máximo a personalização para falar com seu destinatário. Isso faz parecer que o seu email foi escrito especialmente para cada pessoa, e será muito melhor recebido do que um email genérico de “Olá, cliente”. Neil Patel explora alguns outros métodos persuasivos de personalização que impulsionam seu email marketing. Também faça um esforço para conhecer seus clientes. Peça a eles que preencham uma pequena pesquisa ou questionário detalhando os tipos de emails que gostariam de receber e os tópicos em que estão interessados. Isso ajudará você a criar um conteúdo segmentado no qual eles estão mais interessados, o que gerará uma taxa de cliques mais alta para você também. Criar uma conexão natural com seus inscritos ajudará você a construir uma comunidade fiel em torno de sua marca. Você pode sentir que seu email de boas-vindas não está gerando engajamento no momento, mas é fácil mudar isso se você adicionar um pouco de amor e cuidado em sua escrita. Ao injetar alguma emoção, personalidade e simplicidade em seu email, você pode garantir que o novo relacionamento com seu inscrito comece bem. Até onde você vai chegar a partir desse relacionamento é com você.


Ler Mais
Obtenha 320% a Mais de Faturamento com Emails de Boas-Vindas: Estratégias que Não Dependem de Sorte

Obtenha 320% a Mais de Faturamento com Emails de Boas-Vindas: Estratégias que Não Dependem de Sorte

Marketing na Prática • 15 de março de 2019

A escritora Lois McMaster Bujold disse: Uma primeira impressão marcante não é a mesma coisa que amor à primeira vista. Mas certamente é um convite para considerar o assunto. Vamos demonstrar a sabedoria de Bujold, do ponto de vista do email marketing. Alguém descobre sua marca. Não importa como. Pode ter sido clicando em um anúncio de outro site,  pesquisando por algo específico e ficando intrigado com o metatexto de sua empresa nos resultados de uma página de pesquisa ou de qualquer outra maneira aleatória. Vamos supor que seu cliente em potencial se interesse pelo seu formulário de inscrição, seja por meio de um pop-up ou de um alerta de intenção de saída bem cronometrado. Ele avidamente insere seu endereço no formulário e clica em \"enviar\" (ou qualquer outro call-to-actions que você esteja usando). Agora você é um profissional de email marketing que possui algo virtualmente inestimável: o endereço de email de seu cliente-alvo. Ela ou ele explicitamente confiaram em você com aquela combinação mágica de caracteres que o leva para além do ceticismo e leva você à terra prometida ... a caixa de entrada! (E, naturalmente, você fez o todo o trabalho duro para garantir que todos os seus esforços não sejam relegados à horrível terra de ninguém chamada de caixa de spam.) Foi o filósofo francês do século 18, Voltaire, ou o tio Ben das histórias do Homem-Aranha, que disse que “com grande poderes vêm grandes responsabilidades”. Você agora possui o endereço de email de seu cliente em potencial (grandes poderes). Veja como garantir que seu email de boas-vindas surpreenda o seu novo assinante; maximize a inestimável oportunidade de venda e crie um leal cliente de sua marca marca fiel (grandes responsabilidades). Parece difícil? Ao seguir essas dicas, você poderá aproveitar ao máximo uma das ferramentas de marketing mais valiosas do planeta. Os emails de boas-vindas não exigem sorte - eles estão destinados a superar o desempenho. Veja como atingir todo o seu potencial As estatísticas são surpreendentes. De acordo com a Invesp, os emails de boas-vindas: Geram 4x mais aberturas Geram 5x mais cliques Possuem uma taxa de abertura de 50% — tornando-os 86% mais eficazes que as newsletters comuns Geram 3x mais transações e faturamento por email do que campanhas promocionais padrão (em média geram 320% a mais de faturamento por email do que outros emails promocionais) Como os números demonstram, não é sobre ter sorte. O público nos mostra que eles estão esperando essas mensagens. Além disso, 57,7% das marcas enviam emails de boas-vindas para novos assinantes. Seus assinantes não apenas estão condicionados a receber uma mensagem legal ao se inscreverem na sua lista, mas tendem a gostar da leitura, engajar-se com ela e têm também mais chances de agir antes de fechá-la. Assinantes que recebem um email de boas-vindas mostram 33% mais engajamento com a marca. O email padrão de boas-vindas tem uma taxa de cliques de 14,4%, enquanto outras campanhas de email têm uma média de 2,7%. Emails de boas-vindas geram resultados. De volta ao ponto sobre fazer com que seus inscritos tomem uma atitude. Expandiremos isso na próxima seção, mas primeiro, vamos estabelecer por que é tão importante ter um objetivo em mente para o seu email de boas-vindas. De maneira simples, essa mensagem é um bem valioso. O momento de recebimento é quando seu público estará mais engajado. A taxa de conversão média para emails de boas-vindas é de .94%, enquanto é de .1% para um email comum. Os emails de boas-vindas com uma oferta podem aumentar o faturamento em 30% por email em comparação aos emails de boas-vindas sem nenhuma promoção. Você pode ouvir Voltaire te chamando do além sobre o grande poder e a grande responsabilidade novamente? (Pode também ser a voz do tio Ben, você escolhe.) Estabelecemos que os emails de boas-vindas são lidos e obtêm resultados. Agora vamos falar sobre como projetá-los e estruturá-los para maximizar esses resultados. Estes são os segredos para atingir todo o potencial do seu email de boas-vindas. Os segredos dos emails de boas-vindas altamente eficazes #1: o tempo é essencial Sinta-se à vontade para tatuar esse par de rimas no seu bíceps: \"It doesn’t pay to delay. Send your welcome email right away.\"         (Não vale a pena atrasar. Envie seu email de boas-vindas imediatamente.) 74% dos consumidores esperam um email de boas-vindas no momento em que se inscrevem. De fato, 45% das compras feitas pela primeira vez por novos assinantes ocorrem dentro das primeiras 24 horas. Aproveite ao máximo essa oportunidade! Você precisa ter o seu email de boas-vindas pronto para ser disparado, e deve configurá-lo para ser enviado para novos assinantes imediatamente após a inscrição. Os segredos dos emails de boas-vindas altamente eficazes #2: a sua linha de assunto é chave Winston Churchill — que teria atraído a ira do movimento #metoo caso tivesse dito isso nos dias atuais - certa vez proclamou: \"Um bom discurso deve ser como a saia de uma mulher - longo o suficiente para cobrir o assunto e curto o suficiente para gerar interesse\". Deixando a hashtag de lado, a diretriz acima é ótima para o seu assunto de email de boas-vindas. Quando você criar sua mensagem de boas-vindas, comece com uma linha de assunto clara e envolvente. Certifique-se de que sua linha de assunto transmita que este é o email de boas-vindas. Mas também provoque seus leitores um pouco - faça com que ela seja intrigante o suficiente para instigar seus novos inscritos a abri-la. Além disso, este não é o momento para enigmas. Torne sua linha de assunto do email de boas-vindas fácil de entender. Todas as palavras na sua linha de assunto devem ser palavras simples e curtas. Use uma linguagem simples e natural e evite palavras complexas, porque é difícil memorizá-las. Sua linha de assunto deve ter cerca de 6,5 palavras. Você quer ter certeza de que seu destinatário pode ler a linha e processá-la rapidamente. Evite ambigüidades. Seja específico e claro em sua linha de assunto. O tempo de atenção de cada pessoa é uma espécie ameaçada, e você tem uma janela de tempo curta para atrair o interesse de seu destinatário. Seu assinante é o centro do seu universo, então concentre-se em suas necessidades na linha de assunto. O que o faz feliz? Irritado? Animado? Use isso ao seu favor e mexa com suas emoções com apenas algumas palavras Exemplos de linhas de assunto altamente eficazes: De: Loja de óculos onlineWarby Parker. Linha de assunto:Ei, sua prescrição está expirando Por que funciona:Ei! Esta chamada é simples, demonstra urgência e estabelece um tom para a conversa. Além disso, torna as coisas mais pessoais com a observação sobre a expiração de prescrições. De:Mercado de promoções e ofertas Groupon. Linha de assunto:Não temos ofertas nesse email Por que funciona: Calma...sério? Então por que você está me mandando isso?! Este email aumenta muito o nível de curiosidade, que é uma maneira segura de obter cliques. Tenha cuidado para não abusar dessa técnica. Você não quer deixar as pessoas irritadas ou se sentindo manipuladas. Os segredos dos emails de boas-vindas altamente eficazes #3: Faça-os bem-vindos Os assinantes estão preparados para receber um email de boas-vindas. Então, por que não usar um tom caloroso, familiar e reconfortante? Use seu email de boas-vindas para fazer as pessoas se sentirem imediatamente à vontade, e continue com a introdução à sua marca.De: Marca de malas de alta qualidade e economicamente acessível Away. Por que funciona: Bastante espaço em branco. Tom de conversação. Permite que você saiba o que esperar e fala com você de uma maneira provocadora, e ao mesmo tempo amigável. Os segredos dos emails de boas-vindas altamente eficazes # 4: Diga às pessoas o que fazer! Este não é o momento de ser vago e misterioso. Seu email de boas-vindas deve transmitir claramente aos novos assinantes o que eles devem fazer em seguida. Existe mais onboarding que precisa ser feito? Você precisa que eles executem alguma ação? Se sim, quais são eles? Quer que eles sigam você nas mídias sociais? Quer que eles verifiquem a seção de novos produtos de sua loja? Quer que eles estejam mentalmente preparados para outra mensagem, cupom ou campanha sua? Crie seu email de boas-vindas com as ações que você gostaria que seus inscritos realizassem. De:Aplicativo de aluguel de acomodaçõesAirbnb. Por que funciona: Simples. Gráficos nítidos. Diz exatamente o que fazer e faz com que você se sinta parte de uma comunidade animada já existente. Os segredos dos emails de boas-vindas altamente eficazes #5: Mantenha sua promessa! Esse segredo é bem simples e tem o benefício adicional de fornecer ao seu email de boas-vindas uma verdadeira razão para existir. Cumpra a promessa feita no momento da inscrição. Se você ofereceu um “lead magnet”, como um PDF, um ebook ou outro recurso, envie-o no e-mail de boas-vindas. Se você disser aos seus inscritos que irá entregar outros conteúdos, informações ou valores, verifique se há um pouco disso no email de boas-vindas. E, claro, você deve respeitar os outros segredos enquanto fizer isso - ter um bom título, enviá-lo rapidamente, usar um tom de boas-vindas, etc. De:Headspace, um aplicativo especializado em meditação. Por que funciona: Este email faz um ótimo trabalho ao fornecer um valioso “lead magnet”, o curso complementar de 10 dias, e ao mesmo tempo transmite sutilmente ao assinante que há muito mais valor além desse brinde. \"Basics\" é uma ótima descrição do modelo freemium - não soa depreciativo, mas faz parecer que se você estiver realmente se interessar pelo assunto, você se beneficiará ao investigar outras ofertas. Os segredos dos emails de boas-vindas altamente eficazes #6: KISS O acrônimo terrivelmente condescendente KISS (do inglês, “keep it simple, stupid”) significa o seguinte: \"mantenha a as coisas simple, seu idiota”. Como não somos negativos (consulte o Segredo 2!), digamos apenas: \"Mantenha a simplicidade, meu caro amigo\". Ah, talvez haja uma razão pela qual eles usaram a palavra \"idiota\" no ditado original - é uma palavra bem simples e direta. Tenha esta lição crítica em mente ao escrever seu email de boas-vindas. Conheça o objetivo do seu email de boas-vindas e foque nele. É um equilíbrio delicado fazer as etapas anteriores de dar as boas vindas, informar os inscritos sobre o processo de integração e cumprir suas promessas. Se estiver se sentindo sobrecarregado, lembre-se de que você pode avançar essas metas em emails separados de acompanhamento. Não se sobrecarregue. Não tente incluir 10 quilos de treinamento em um email de boas-vindas que tem capacidade para cinco quilos. De:Empresa de software de atendimento ao clienteHelp Scout. Por que funciona: Trinta e três palavras. Isso é tudo que esse email de boas-vindas possui. E ainda leva um bônus: 5 das 33 são a palavra \"ajuda\" - a primeira palavra do nome da empresa. Isso ajuda a tornar  a mensagem toda bastante piegas (ei, eles nos convenceram a dizer uma variação da palavra “ajuda” em nossa última frase - preste atenção nas mensagens subliminares eficazes!). O email também inclui muito espaço em branco, rostos amigáveis e botões úteis de links para páginas. Mais exemplos de email de boas-vindas para se inspirar O segredo do que compõe um ótimo email de boas-vindas não está apenas nas regras acima. Seu email de boas-vindas deve ser uma boa extensão da cultura, do marketing e dos temas gerais de sua marca. De maneira ideal, alguém poderia olhar para uma versão do seu email de boas-vindas, que tivesse todas as informações de identificação removidas, e ainda saber imediatamente que é um email da sua marca. Confira estes emails de boas-vindas que fazem esse trabalho com estilo e de maneira memorável. De:Marca de grifeKate Spade. Por que funciona: Nada neste email é sem graça. Francamente, o texto branco no envelope de cor laranja é um pouco mais difícil de ler do que o formato de um email tradicional com “muitos espaços em branco”. Sério, poderíamos imaginar nossa vovó esfregando as têmporas e fechando o laptop. Mas isso é parte da diversão. Este email - desde o código de desconto exclusivo até as cores ousadas e a promessa de coisas mais interessantes que estão por vir - faz um ótimo trabalho ao fazer com que o destinatário se sinta um verdadeiro fã de moda. De: Colchão e marca de materiais para dormir Casper. Por que funciona: Como conseguir olhar para este email lindo e bem-temático e não bocejar? É conciso, os trocadilhos se encaixam na vibe descontraída e a mensagem faz um excelente trabalho ao focar na pessoa número 1 do email marketing: você.De:Startup de barbeadoresHarry’s. Por que funciona: Excêntrico! Conciso! Descaradamente fofo! O mercado de barbeadores parece ter existido desde que as pessoas tinham pêlos faciais. É uma indústria saturada, barulhenta... O segmento de enviar produtos de cuidados faciais por correio possui margens muito pequenas. É por isso que é tão importante para Harry manter seus valores de marca neste email. É novo, é alegre e promete adicionar um pouco de diversão ao seu dia. De:Mega loja de artesanatoMichael’s. Por que funciona:Por favor, alguém compre uma cerveja para este designer. Esta mensagem da Michael\'s é uma obra de arte! Graças ao design atraente e bonito, o email consegue anunciar várias das suas ofertas (contamos fios de tricô, tinta de quadro, tinta a óleo e stencils) de uma forma completamente orgânica. Em contraste com alguns dos nossos outros exemplos neste artigo, este email tem uma boa quantidade de texto e links. Mas graças a esse ótimo design, ele nunca parece estar cheio de informação.De: Startup de produtos para dormir Eve. Por que funciona: Essa coleção de fotos no topo é claramente sugestiva. Ela nos ajuda a lembrar que nossas camas e sofás não são apenas para dormir todos os dias, eles também são lugares onde criamos uma vida muito importante. A excelente paleta de cores - espaço em branco, azul plácido, amarelo brilhante e o lindo cabelo ruivo da modelo - faz um excelente trabalho ao sugerir a alegria que se sente depois de uma boa noite de sono.De: Marca de lifestyle/beleza Glossier. Por que funciona: Esse é um exemplo de uma mensagem que realmente coloca o \"bem-vindo\" no email de boas-vindas. Você lê este email e se sente instantaneamente mais calmo. Observe também o pequeno mas eficaz \"temos um bom pressentimento sobre isso\". O nem tanto sutil: \"see you on Instagram\", ajuda a construir a conexão sem soar agressivo ou falso. De: Casa de moda feminina Karen Millen. Por que funciona: Uau - esta é uma manchete que te obriga a ler o que segue. \"Cinco razões pelas quais sabemos que você nos amará\" - se seus olhos não percorrerem essa página por pura curiosidade, provavelmente você está clinicamente morto. Ou, o ponto importante - você provavelmente tem zero pontos de convergência com o público-alvo. E isso não é uma coisa ruim. Emails de boas-vindas não precisam ser lançados no tapete vermelho para todos. Um pouco de adaptação e especificidade ajudam a reforçar esse sentimento de que você é único para novos assinantes. Concluindo... Os emails de boas-vindas são uma ferramenta extremamente valiosa para os profissionais de marketing. Os assinantes estão condicionados a esperar por eles, tendem a lê-los, clicar neles e interagir com eles a taxas muito mais altas do que outros tipos de mensagens. Certifique-se de que está aproveitando ao máximo esta incrível plataforma enviando seu email de boas-vindas imediatamente, usando uma ótima linha de assunto, escrevendo em um tom caloroso e acolhedor, sendo claro, cumprindo sua promessa e mantendo o tom e a linguagem simples. Agora é sua vez. O que você acha? Apostamos que você recebeu pelo menos um email de uma marca que foi bastante memorável. Qual foi, e por que isso te chamou atenção? Clique na seção de comentários para nos dizer o que você gostou.


Ler Mais
4 Maneiras de Tornar Sua Lista de Emails Seu Recurso de Marketing Mais Valioso

4 Maneiras de Tornar Sua Lista de Emails Seu Recurso de Marketing Mais Valioso

Marketing na Prática • 19 de dezembro de 2018

Sua Lista de emails é o seu recurso de marketing mais valioso. E existem algumas razões por trás disso. Com ela, você não depende de nenhuma plataforma terceirizada. Sua empresa ganhou permissão de cada uma dessas pessoas para enviar conteúdo a elas. E além disso, ela te permite nutrir e manter um relacionamento saudável com seus clientes e seguidores. Você vai nos escutar falar bastante sobre isso a partir desse ano. É a missão da Benchmark Email em 2019 aumentar a sua compreensão de como usar sua lista de emails com a máxima eficiência, aprendendo a amar sua lista e as pessoas que fazem parte dela. No fim das contas, esses relacionamentos são fundamentais para o seu negócio. O que faz um relacionamento ser ótimo? - Confiança e Respeito. Como uma empresa, você tem de entender que é um privilégio ser aceito na caixa de entrada de um inscrito. Não abuse disso para que seus seguidores não o marquem como spam. - Honestidade e Perdão. Algumas vezes você cometerá erros. Não há problema algum, desde que você seja transparente a respeito disso. Seja aberto com seus clientes e eles aceitarão sua nova história, mesmo com seus erros passados. - Ponderação e Apreciação. Seu email marketing precisa, a todo tempo, ser centrado em seus clientes. Você precisa saber quais problemas você soluciona para os seus clientes e que valor está entregando em suas caixas de entrada. - Comprometimento. É necessário consistência com o que foi prometido nos formulários de inscrição e é também importante demonstrar o quanto sua empresa aprecia o fato de que seus seguidores optaram por receber seus emails. Conteúdo relevante e segmentado vai ajudar seus inscritos a tirarem o maior proveito possível de seus emails. Quando o assunto é tirar maior proveito de seu recurso de marketing mais valioso (sua lista de emails), nós identificamos quatro tópicos nos quais vamos focar: 1. Aumentar Sua Lista Quando o assunto é crescer sua lista de emails, é importante focar e abranger todos os pontos de contato que seus clientes e leads tem com sua marca. Tenha certeza de que você está atraindo indivíduos que gostariam de saber mais sobre sua marca para a sua lista de emails. O timing correto é importantíssimo para expandir sua lista de emails. Isso significa saber em que parte de uma página você deve inserir um formulário de inscrição, em quais páginas você deve promover estes formulários e até mesmo quais oportunidades offline podem te ajudar a aumentar seu número de inscritos. Aqui estão alguns dos vários pontos de contato que devem ser considerados para a expansão de sua lista:         -        Sua página inicial         -        Seu blog         -        Outras páginas em seu site com grande volume de visitantes         -        Redes Sociais         -        Telefonemas         -        Em loja         -        Em eventos         -        Propagandas impressas E também é importante saber bem o que prometer a seus seguidores. Dê um incentivo para que se inscrevam. 2. Gerenciar Sua Lista Aprender precisamente como separar e segmentar sua lista, para que você envie campanhas relevantes para seus diferentes públicos serão um grande diferencial para sua empresa. Nem todo inscrito é igual. Eles têm interesses e necessidades diferentes. Ser capaz de conhecê-los e identificá-los para providenciar informações específicas que cada seguidor deseja vai ajudar a fazer com que sua empresa triunfe. Aqui estão algumas das maneiras possíveis de segmentar sua lista de emails para criar um conteúdo mais relevante:         -        Gênero         -        Localização         -        Área de Atuação         -        Profissão         -        Histórico de Compra         -        Atividade online         -        Engajamento com seus emails 3. Manter a Segurança de Sua Lista A partir de 2019, segurança de dados será de extrema importância. Vamos ajudá-lo a garantir que sua lista esteja segura. É possível utilizar um recurso para que qualquer pessoa que tente exportar sua lista de emails necessite de uma senha ou PIN de segurança antes de fazê-lo. Isso também significa que todos seus dados estão armazenados em servidores seguros de última geração e que sua empresa respeita qualquer regulamento de proteção de dados como os do GDPR (Regulamento Geral sobre a Proteção de Dados da União Europeia). 4. Monetizar Sua Lista Apesar de acreditarmos que você deva ter uma estratégia de marketing centrada nas necessidades de seus clientes e não apenas em tentar constantemente vender a eles a qualquer custo, entendemos que, no fim das contas, o objetivo de qualquer empresa é ganhar dinheiro. E vamos te mostrar como. Usando ferramentas como automações, você pode entregar um conteúdo mais pessoal e relevante para cada inscrito, de acordo com o seu comportamento individual. A Benchmark Email também facilita para você testar diferentes versões de seus emails com o Teste AB. Além disso, observando e analisando os resultados de suas campanhas, você poderá ver o que está e o que não está funcionando, te ajudando a encontrar sempre melhorias a serem feitas em sua estratégia de email marketing. Finalizando Para aprender mais sobre como aumentar, gerenciar, manter a segurança e monetizar sua lista, continue acompanhando nosso blog. Ele está sempre cheio de dicas e exemplos de como alcançar esses quatro objetivos em sua empresa. Você tem alguma dica sobre listas de emails? Compartilhe conosco nos comentários abaixo!


Ler Mais
Quer Fazer uma Limpeza em Sua Lista de Emails, Mas Tem Medo de Começar?

Quer Fazer uma Limpeza em Sua Lista de Emails, Mas Tem Medo de Começar?

Marketing na Prática • 5 de agosto de 2018

No dia a dia de nosso trabalho, enviamos campanhas de email com certa regularidade. No entanto, a tendência é não fazer mais nada depois que a campanha foi enviada. Hoje iremos falar sobre a higienização de sua lista. Sabia que os vários ISP\'s (Hotmail, Gmail, etc.) sabem se você está enviando suas campanhas para endereços de email inválidos e isso pode afundar com a sua entregabilidade? Sim, eles podem e vão fazer isso. Por exemplo, se depois de verificar seus relatórios nenhuma ação for tomada em relação aos bounces ou aos endereços de e-mail que não abriram suas últimas 30 campanhas, os provedores podem começar a bloquear suas campanhas por meio de filtros. Seus emails serão considerados como provenientes de um remetente que não toma medidas para melhorar seus resultados. Dito isso, sabe o que precisa ser removido? Quando falamos de limpeza de lista, nos referimos a acabar como os hard bounces e com os endereços de email que não abrem suas campanhas. Caso ainda não saiba, há três tipos diferentes de rejeição (bounce): Bounces Confirmadas. Os endereços de email não existem mais e o servidor de envio tentou contatá-los por três vezes, mas a campanha não foi entregue. Hard Bounces. Aqui se encaixam os emails que não existem mais. Quando são rejeitados três vezes, tornam-se rejeições confirmadas. Pode ser resultado de um endereço escrito errado, um domínio extinto ou a pessoa a quem aquele email pertencia não trabalha mais para a empresa e o endereço agora é inválido. Soft Bounces. São endereços de emails que estão inativos de forma temporária. A entrega da campanha ainda não foi possível, mas apenas por um tempo. Sendo assim, são endereços válidos que não devem ser removidos. Que problema temporário pode ter ocorrido? Pode ser que a caixa de entrada esteja cheia e a pessoa fica incapaz de receber novos até que liberem espaço. Talvez você enviou a campanha fora do horário de expediente e recebeu uma resposta automática, ou talvez o servidor possa estar fora do ar. Estes endereços de emails ficam indisponíveis por um período, mas quando os problemas são resolvidos, tornam a ficar ativos. Talvez você não consiga enxergar a importância de se ter uma base limpa, mas nós tornamos fácil a verificação da “saúde” da sua lista, através do painel com a reputação de  sua conta. Esta seção vai indicar um número entre 1 e 8 que avalia o status da sua reputação. Sabe o que significa reputação? Reputação é uma medida usada para monitorar o comportamento das suas campanhas em relação aos filtros de spam e interações dos inscritos com elas. É essa mesma interação que vai melhorar com a limpeza da lista. Isto porque estará enviando suas campanhas para endereços de email que de fato existem e podem ser abertos e, portanto, seus links também serão mais clicados. De forma similar, se você remover endereços que não abrem suas campanhas há muito tempo, estará aumentando a interação com a lista remanescente. Além disso, você pode gastar menos com um plano menor e pagar apenas pelos inscritos que estão abrindo suas campanhas e que por conta disso, garantem mais chances de que sua mensagem seja entregue. Por favor, perceba que isso não necessariamente funciona com bases novas, pois estas não possuem dados ou rejeições suficientes para prover nenhuma grande mudança ao limpar sua lista. Verificar a lista pode ser mais útil para você neste caso. Como remover endereços digitados de forma incorreta. Isso também é resolvido através de formulários de cadastro com dupla validação. Contudo, se a base de dados não é atual, ou se você nunca enviou email marketing para ela, é provável que os relatórios da sua campanha mostrem uma taxa de rejeição alta (em outras palavras, mais de 2%.). Você conhece as suas taxas de rejeição? Uma conta de email de marketing deve ter, no máximo, uma média de 2% de rejeições. Ademais, a limpeza da base pode se fazer necessária se sua lista cair em uma armadilha de spam. Uma spam trap (armadilha de spam) é uma armadilha usada por ISPs para saber que usuários estão enviando mensagens para uma base de dados sem permissão, ou para uma base muito velha. Como a limpeza pode ser feita com a Benchmark?      Se você não possui um bom sistema de controle para gerir os contatos que foram removidos, é possível que eles tenham sido carregados de novo na ferramenta. Para resolver este problema, a limpeza seria feita do seguinte modo:      Faça login na sua conta      Clique em “Limpar lista”      Selecione: Confirmados + Hard Bounces      Clique em “Criar Nova Lista”      Assim que for criada, você precisará acessar a lista e clicar nos três pontos.      Selecione a opção “Copiar Lista”      Copie para uma “Lista Existente” e selecione “Lista Principal de Remoção de Inscrições”      Desta forma, você estará evitando que os contatos inúteis sejam recolocados na ferramenta. Mantenha em mente que esta ação é irreversível.      Se você tem um bom sistema de controle para administrar seus contatos e evitar que os endereços já removidos recebam emails, então a limpeza da lista deve ser executada dos pontos 1.1 ao 1.3, então clique em “Remover da lista”.   Se uma campanha específica que você enviou gerou um número grande de rejeições e, nesta campanha, você selecionou múltiplas listas, seguir os passos acima pode ser complicado. Neste caso, recomendamos que faça o seguinte:      Vá em Relatórios e clique na campanha      Clique em “Bounces”      Selecione “Hard Bounces”      Clique nos 3 pontos e então “Exporte para um Arquivo”      Baixe o arquivo e o suba para a “Lista Principal de Remoção de Inscrições”. Se você possui armadilhas de spam em sua conta, deve seguir os passos anteriores e incluir os inscritos que não abriram suas últimas 30 campanhas. As armadilhas de spam estão neste grupo porque não abrirão seus emails. Estas são as quatro formas que indicamos de manter sua conta livre de rejeições de modo a alcançar uma reputação alta. Agora, você só precisa escolher a opção que melhor se encaixa com suas necessidades e começar a limpeza. Se precisar de ajuda neste processo, pode contatar um de nossos especialistas de email marketing, ou se notar alguma anomalia em sua taxa de rejeição, como um súbito crescimento, sinta-se livre para nos contatar antes de iniciar a limpeza. Queremos saber que práticas de higienização causaram um maior impacto em seu email marketing. Compartilhe suas dicas ou resultados na seção de comentários abaixo!


Ler Mais
Como e Por Que Usar Emojis em suas Linhas de Assunto

Como e Por Que Usar Emojis em suas Linhas de Assunto

Marketing na Prática • 27 de julho de 2018

Pode ser difícil nos expressar quando as palavras nos limitam. Muitas vezes uma sensação experimentada não se pode descrever em palavras. Às vezes, um emoji comunica o que não podemos colocar em palavras. Usar emojis também é uma oportunidade de proporcionar um pouco de alegria e leveza. Até junho de 2018, havia 2.823 emojis no Padrão Unicode. Caso você esteja se perguntando quais sentimentos estamos tentando expressar com emojis, esses foram os emojis mais populares em 2017: 🤷 Pessoa dando de ombros 😂 Rosto com lágrimas de alegria ❤️ Coração vermelho 😍 Rosto sorridente com corações nos olhos 🤔 Cara pensativa 🔥 Fogo 😊 Rosto sorridente com olhos sorridentes 😘 Rosto soprando um beijo 👍 \"Joinha\" O uso de emojis está crescendo em nossa vida cotidiana. Em meados de 2015, 50% de todos os comentários do Instagram apresentavam um emoji. Era inevitável que os emojis encontrassem seu caminho para o mundo do email marketing.   Email Marketing e Emojis São uma Boa Combinação A caixa de entrada do consumidor médio é lotada. As marcas precisam encontrar uma maneira de se destacar. Usar um emoji na linha de assunto do seu email pode ser uma ótima maneira de fazer com que suas campanhas de email se destaquem no meio da multidão. De fato, 56% das marcas que incluíram emojis em suas linhas de assunto tiveram uma taxa de abertura mais alta, de acordo com um relatório da Experian. As empresas estão tomando nota do sucesso dos emojis nas linhas de assunto. De 2015 a 2016, o uso de emojis em emails aumentou 7100%. Um desenvolvedor de aplicativos para pequenas empresas, o Swiftpage, realizou testes de uso de emojis em linhas de assunto. Os emails com linhas de assunto que incluíram emojis tiveram resultados impressionantes: 29% de aumento na taxa de aberturas 28% de aumento na taxa de cliques únicos 93% de aumento geral na taxa de cliques Certamente o sucesso no uso de emojis vai depender dos indivíduos que compõem o seu público-alvo. No entanto, existem outros fatores que podem entrar em jogo no que diz respeito ao uso eficaz de emojis. Porque o Uso de Emojis É Eficaz Os números dão embasamento ao fato de que os emojis funcionam. Vejamos algumas razões porque isso acontece: Os Emojis Ajudam por Serem Sucintos Dependendo do provedor de email, há um número limitado de caracteres exibidos na linha de assunto. Você pode dizer mais em menos espaço usando um emoji. A frase \"uma imagem vale mais que mil palavras\" é muito verdadeira neste caso. Emojis Transmitem Emoção Como mencionei antes, às vezes é difícil colocar emoções em palavras. Emojis fazem isso por você. No entanto, eles também podem despertar emoções seus assinantes. Quando eles virem sua linha de assunto sorrindo para eles, é provável que eles sorriam de volta. Emojis são fáceis de usar No mundo dos dispositivos móveis de hoje, os emojis são suportados em praticamente todos os celulares e tablets e em todos os provedores de email. Adicionar um emoji à sua linha de assunto pode ser tão fácil quanto copiar e colar. No entanto, a Benchmark Email tornou esse processo ainda mais fácil… Apresentando o Editor de Emojis da Benchmark Email Nossa equipe de desenvolvimento de produtos acaba de lançar um seletor de emojis diretamente no processo de criação do email. Agora, ao escrever sua linha de assunto na \"Etapa 1: Detalhes\", você pode escolher facilmente um emoji para incluir nela.   Este recurso está disponível em nosso Editor de Arrastar e Soltar, no Editor de Código HTML e também no Editor de Texto Simples, e pode ser usado na criação de emails regulares, emails RSS e em automações simples através do Automation Lite. Vários dispositivos exibirão o mesmo emoji de maneira diferente. Nosso seletor de emojis mostrará para você o estilo de emoji do dispositivo que você está usando na criação de sua campanha. No entanto, a maneira como seu assinante visualiza o emoji dependerá do dispositivo, sistema operacional ou provedor de emails dele e de como eles próprios exibem emojis. Se você está curioso para descobrir como os emojis podem ser exibidos, confira a Emojipédia para ver como eles serão exibidos em diferentes dispositivos ou sistemas operacionais. Atualmente oferecemos o Emoji 1.0 do padrão Unicode; eles estão no nível 5.0. Isso é para garantir que o maior número de emojis sejam exibidos corretamente para a maioria das pessoas. No entanto, se você quiser usar um emoji mais recente, copie e cole-o em sua linha de assunto. Exemplos do Uso de Emojis em Linhas de Assunto Se você não sabe ao certo por onde começar uma nova estratégia de email marketing, sempre ajuda ver o que outras pessoas já fizeram. Isso te servirá de inspiração e te ajudará a considerar o que gostou e pontos onde pode melhorar. O Email Marketing Tipps reúne uma longa lista de exemplos de emoji em linhas de assunto de empresas conceituadas em todo o mundo. Aqui estão alguns dos principais: Uma novidade para o Dia das M♥es + excelentes descontos nas lojas físicas e online ☀ O sol saiu, começaram as promoções! ❄ Um conselho de inverno que você PRECISA conferir → ✈ Ofertas incríveis com ofertas inclusivas a partir de £269! | O golge e o sol te esperam…✈ Ganhe uma Pizza com um chute GRÁTIS! Fatores a Considerar ao Usar Emojis Em um mundo ideal, todos poderíamos usar emojis em nossas linhas de assunto. Esse não é o caso. Há algumas coisas a serem levadas em consideração ao usar emojis em suas linhas de assunto. Assim como o uso de diferentes fontes, alguns emojis são melhores do que outros. Alguns podem ainda não ser compatíveis em determinados dispositivos. Um exemplo disso é a variação no tom de pele. Os emojis, bem como as fontes, são exibidos de maneira diferente com base no dispositivo em que estão sendo visualizados. Não se esqueça de enviar emails de teste ou usar o Inbox Checker para ver como eles serão exibidos. Assim como você deve ter cuidado para não usar pontuação excessiva, não deve exagerar no uso de emojis. Você ainda deve considerar os limites de caracteres. Essas não são as únicas razões para se ter cuidado com o uso de seus emojis. Você pode estar muito empolgado ao contar aos seus inscritos sobre o novo mercado em que você está vendendo seus produtos, mas 93% dos usuários de emoji não estão usando 🍑 para representar uma fruta ... e sim um traseiro. Compartilhe suas dicas Você já teve êxito no uso de emojis em suas linhas de assunto? Compartilhe exemplos ou algumas dicas sobre o que funcionou ou não deu certo para sua empresa. Gostaríamos de saber seu feedback nos comentários!


Ler Mais
Marketing de Automação: Como Você Pode Melhorar?

Marketing de Automação: Como Você Pode Melhorar?

Marketing na Prática • 5 de julho de 2018

Ninguém é perfeito. Todos nós cometemos erros. Também nos esforçamos para melhorar continuamente. É uma verdade universal. E com certeza, parte do fascínio do marketing de automação é que sua natureza envolve configurar sua automação e então esquecer dela, deixando-a trabalhar sozinha. No entanto, rodar uma automação sem buscar pontos de melhoria é um erro. Então, o que você deveria estar procurando? Aqui estão três coisas onde você pode se esforçar para melhorar continuamente no marketing de automação: Corrigir erros É uma sensação horrível quando você envia uma campanha de email e nota um erro de digitação depois. Você rapidamente passa pelos cinco estágios do luto quando isso acontece: Negação. Esfregar os olhos esperando que você não esteja vendo o que está vendo. Raiva. Você diz a si mesmo que deveria ter revisado isso mais uma vez. Culpa um colega de trabalho para quem enviou o email de teste que não te disse nada. Suposição. Fica sentado imaginando como seria bom um recurso que cancelasse o email enviado. Depressão. Todos nós já estivemos lá. Escondendo-se no nosso cubículo, percebendo que fizemos algo de errado. Aceitação. É o que é. Você não pode mudar o ocorrido, mas fará melhor da próxima vez. Esse tipo de situação fica no passado com o Automation Pro. Felizmente, você a partir de agora pode atualizar qualquer email em sua automação sem interromper a experiência do cliente. No entanto, você não poderá alterar os emails que já foram enviados. O lado bom disso é que você não precisa criar uma automação totalmente nova ou correr o risco de perder os clientes que já receberam sua sequência de emails. Atualize emails quando necessário para corrigir erros de digitação, links quebrados ou outros erros e realize seu marketing de automação com confiança. Consiga melhores taxas de abertura É importante acompanhar o sucesso de seu marketing de automação. Se você analisar seus relatórios e constatar que a taxa de abertura não é o que você esperava, você acaba de encontrar outra oportunidade de melhoria. Ajustar sua linha de assunto pode ajudá-lo a ter melhores taxas de abertura para os emails em sua automação. Veja o que compõe uma ótima linha de assunto: Parece urgente. Isso não funcionará caso você fizer isso com todas as suas linhas de assunto, mas fazer com que seus inscritos sintam que precisam agir imediatamente é uma tática útil para que seus emails sejam abertos. Faz a pessoa lendo querer saber mais. Crie a provocação perfeita que faz com que seu contato queira saber mais, o que consequentemente o instigará a abrir o email. Gera valor. Faça uma oferta na sua linha de assunto que não possa ser recusada pelos seus inscritos. Se eles virem o benefício diretamente na caixa de entrada, eles certamente abrirão o email. É pessoal. Sentir-se como se alguém estivesse te empurrando a comprar algo não é uma experiência agradável para ninguém. Se você puder fazer com que seus inscritos se sintam como se você tivesse entrado em contato com eles, em vez de enviar algo que pareça ser uma mensagem generalista para um grande número de pessoas, eles estarão mais propensos a se engajar Conta uma história. Desde muito novos ouvimos histórias. Se você começar sua história já na linha de assunto, seus inscritos irão abrir o seu email para descobrir o final feliz. Uma coisa é saber o que é considerada uma boa linha de assunto. Outra é ser capaz de escrever uma. Aqui estão algumas dicas sobre como criar ótimas linhas de assunto: Rápida e direto ao ponto. Você tem apenas 50 a 60 caracteres em um dispositivo móvel. Aproveite ao máximo cada um deles. Defina expectativas. Deixe seus inscritos saberem o que encontrarão quando abrirem seu email. Use verbos de ação. Afinal de contas, uma linha de assunto realmente é apenas uma chamada à ação (CTA) para abrir seu email. Inspire seus inscritos a agir usando os verbos de ação corretos. Use elogios. Faça com que seus inscritos se sintam especiais oferecendo um \"convite particular\" para um evento exclusivo ou uma \"oferta exclusiva para você\". Números ajudam. Sejam eles referentes a uma lista de recursos ou dicas para o sucesso, informe ao seu inscrito quantas dicas existem. Isso o ajuda a definir expectativas. Perguntas funcionam. Pergunte algo para o qual seus inscritos vão querer procurar a resposta. Isso vai fazer com que eles queiram saber mais. Não use muita pontuação ou MUITAS LETRAS MAIÚSCULAS. Seus inscritos não querem se sentir como se você estivesse gritando com eles. Uma linha de assunto com muitas letras maiúsculas ou muitos pontos de exclamação fará exatamente isso. Fuja disso. Se você ainda está buscando um pouco de ajuda com suas linhas de assunto, pode experimentar ótimos recursos como o gerador de linha de assunto da Rock Content. Além de melhorar sua linha de assunto a fim de aumentar sua taxa de abertura, você também pode querer considerar mudar seu nome de remetente. É importante ter um nome de remetente que seja familiar a seus inscritos. Se houver uma equipe de vendas ou um membro de suporte com quem eles entram em contato a maior parte do tempo, pode ser útil usar o nome dessa equipe ou pessoa como o remetente. Melhore sua taxa de cliques (CTR) Digamos que você tenha resolvido o problema da sua taxa de abertura, mas seus inscritos não clicam nos links dos seus emails. Esse é seu próximo ponto de melhoria. Afinal, você não está vendendo nada diretamente em seus emails. Você precisa que seus inscritos cliquem em links para irem ao seu site. Existem alguns fatores que podem entrar em jogo: Conteúdo O que você está enviando é relevante para seus inscritos? Se eles não estão chegando ao seu site, a resposta a essa pergunta provavelmente será um \"não\". Eles simplesmente não irão se engajar com um email que não seja de interesse deles. Como você pode saber o que eles querem? Os links que estão sendo clicados são uma pista. No entanto, você não precisa jogar um jogo de adivinhação para determinar o restante. Crie um questionário e o envie para seus inscritos. Deixe-os te dizer o que eles querem ouvir de você. Sua equipe de suporte ao cliente está recebendo as mesmas perguntas múltiplas vezes? Use as respostas a essas dúvidas como base para o conteúdo de seu email. Se você for mais proativo em responder a perguntas dos clientes, estará fornecendo conteúdo relevante e talvez até aliviando um pouco sua equipe de suporte. Design Mesmo que o conteúdo de suas campanhas de email seja de alta qualidade, é possível que o design seja o que impede seus usuários de clicarem. Aqui estão algumas coisas que você pode fazer para otimizar o design de suas campanhas de email para ajudar a melhorar seu CTR: Considere a proporção imagem-texto. Seus emails devem conter 80% de texto e 20% de imagens. Os emails pesados (com muitas imagens) que não vão para a pasta de spam vão levar muito tempo para serem carregados. Isso não é bom para criar engajamento. Inclua legendas em suas imagens. Alguns inscritos podem ter o download automático de imagens desativado. Uma legenda irá ajudá-los a entender a essência do email, mesmo sem ver a imagem. Adicione um Call-To-Action (Convite à Ação) claro. Seu design não deve desviar a atenção do CTA. Alguns profissionais de email marketing obtém o sucesso com um link de texto e um botão. Dessa forma, você aumenta suas chances de conseguir um clique e descobre como os inscritos interagem com seus emails. Além disso, certifique-se de que todos os botões ou links que você usa sejam compatíveis com dispositivos móveis e sejam fáceis de clicar em qualquer dispositivo. O design do seu email quando se trata de CTAs é importante, mas não é a única coisa necessária para criar CTAs que funcionam. CTAs A capacidade de escrever um ótimo CTA é tão importante quanto seu design. A maneira de fazer isso é muito semelhante a criar uma linha de assunto. Afinal, como disse antes, sua linha de assunto funciona como um CTA para abrir seu email. Então, vou reiterar alguns pontos e adicionar alguns novos: Comece com um verbo no imperativo. Palavras como \"Compre\" ou \"Encomende\" funcionam bem, assim como “Baixe” ou “Assine”. Adicione emoção. Se você puder fazer com que seus inscritos sintam algo, é muito mais provável que eles se engajem. Inclua sua proposta de valor. Diga-lhes por que a ação valerá a pena. Algo como \"Agende um horário para sua demonstração gratuita\" informa ao inscrito qual ação você quer que ele tome e por quê. O FOMO é real. Já ouviu falar em Fear of Missing Out? Esse é o novo termo utilizado para explicar a sensação que temos quando vemos algo nas redes sociais acontecendo e nos sentimos ficando de fora daquela experiência ou deixados de lado. Crie um senso de urgência onde seus inscritos sintam que vão perder algo caso não ajam rápido. Agora que você sabe onde procurar oportunidades para melhorar seu marketing de automação e como implementar essas melhorias, quero falar um pouco sobre como você pode fazer isso com a Benchmark Email. Atualize uma automação ativa no Automation Pro Se você já é um usuário da Benchmark Email e está pronto para melhorar suas automações, você já pode fazer seu login e começar a fazer melhorias. Caso você precise de ajuda com isso, você pode consultar nossa página de FAQs sobre como adicionar novos emails a uma automação ativa ou entrar em contato com nossa equipe de suporte para obter ajuda. Quaisquer pensamentos ou sugestões sobre oportunidades de melhoria no marketing de automação? Por favor, compartilhe-os conosco nos comentários abaixo!


Ler Mais
Email Marketing pro Dia das Mães: Dicas e Infográfico

Email Marketing pro Dia das Mães: Dicas e Infográfico

Marketing na Prática • 11 de maio de 2018

Mães. Todos as temos. O Kanye West até faz rap sobre elas. A maioria de nós as ama. E pelo menos uma vez por ano, no Dia das Mães, fazemos questão de falar isso pra elas. Na verdade, ao menos 85 milhões de matriarcas celebraram o Dia das Mães em 2016. Mamma mia! É muito amor para ser compartilhado! Mostramos esse amor de diversas maneiras… $23,6 bilhões de dólares, para ser mais específico. Você também fica espantado quando vê esse número? Sempre me disseram que o que vale é a intenção, mas o consumidor médio gastou $172 no Dia das Mães em 2016. Com tamanhos números, não é surpresa que nós esperamos ver milhares de campanhas de email marketing em nossas caixas de entrada antes do Dia das Mães. Caso ainda não tenha planejado sua campanha para o Dia das Mães, ainda há tempo. Vamos te dar algumas dicas e te mostrar um infográfico para começar a se planejar para essa data. Além disso, temos alguns Templates de Email de Dia das Mães para te ajudar a começar. Dicas de Email Marketing para o Dia das Mães É claro que você pode ir na sua caixa de entrada e ver o que fez nos Dia das Mães dos anos anteriores. Isso te dará uma boa ideia do que você gostou ou não gostou e pontos que precisa melhorar. Por exemplo, será de grande ajuda se você conhecer quem do seu público irá comprar presentes nessa data, para que você possa focar suas campanhas neles. De acordo com o Fundivo, são pessoas entre 25 e 34 anos de idade. Também ajuda saber o que as mães mais desejam. Veja o que elas estão esperando: 36%  das mães dizem que querem algo feito com as próprias mãos. Percebe como a intenção é o que vale? 34,8% querem um jantar, mas não sei se ela quer sair ou que seja uma comidinha caseira. 22,5% acham que vão receber ao menos um cartão de felicitações. Lembre-se de adicionar uma nota especial em seu presente. 22,5% preferem o perfume das flores. Se você é como eu, irá procrastinar até ter que pagar aquelas taxas de frete exorbitantes. Planeje-se! Além do que as mães querem para o Dia das Mães, também ajuda considerar quem são as mães que estão celebrando. Esse grupo matriarcal é composto de mães e madrastas (63,9%), esposas (23,3%), filhas (10,7%), irmãs (8,7%) e avós (7,3%). É importante escolher bem suas linhas de assunto. Elas devem ser emotivas. Uma linha de assunto que aflora os sentimentos de seus inscritos terá taxas de abertura 21,5% maiores do que as campanhas de Dia das Mães que não o fazem. Ideias para Campanhas de Email de Dia das Mães Agora que você entende para quem está direcionando suas campanhas de email marketing de Dia das Mães, a pergunta que ainda fica no ar é: o que você deve enviar? Pegando umas dicas das campanhas de email você pode entender melhor o que deve enviar. As promoções mais comuns de dia das mães são frete grátis (55%), desconto (44%) e cupons (41%). Aqui vão algumas ideias para campanhas de email de Dia das Mães: Ofereça um guia de compras de presentes: Torne fácil para seus inscritos encontrar o presente perfeito para as pessoas que eles amam. Ofereça sugestões para todas as mães da vida de seus clientes. Esse guia de presentes de Dia das Mães da IfOnly foi feito para ajudar você a encontrar o presente perfeito para sua mãe. Algumas vezes, pode ajudar falar com um expert. Se você tiver construído um relacionamento de confiança com seus inscritos, eles ficarão felizes de seguir o guia que você criar. Inclua embrulhos especiais e cartões em suas vendas: Tire esse trabalho da mãe de seus inscritos e ofereça-se para embrulhar seus presentes, dando também a opção de eles incluírem um cartão personalizado. Dê um presente as suas clientes que são mães: Todas as empresas fazem isso. Sobremesa grátis em um restaurante, pipoca na faixa em um cinema… Suas clientes que são mães irão amar isso, e você ainda trará o resto da família para seu negócio. Oferecer uma refeição gratuita para uma mãe, como o  Table Table  fez nesse email, irá trazer o resto da família para seu restaurante no Dia das Mães. Infográfico de Email Marketing de Dia das Mães Juntamos todas essas estatísticas e dicas de Dia das Mãeas em um infográfico. Dê uma olhada, crie a campanha de email perfeito nesse dia das mães e conecte-se com seus inscritos que precisam de ajuda para encontrar o presente perfeito. Nós da Benchmark desejamos um excelente Dia das Mães para você e sua família! We’ve summed up all of these Mother’s Day stats and tips in a helpful infographic. Check it out, craft the perfect Mother’s Day email campaign and help your subscribers in need of the perfect gift. From all of us here at Benchmark, we wish a happy and healthy Mother’s Day to you and yours.  


Ler Mais
11 Termos de Marketing de Automação que Você Precisa Conhecer

11 Termos de Marketing de Automação que Você Precisa Conhecer

Marketing na Prática • 7 de maio de 2018

Como já dissemos antes, o Marketing de Automação é a próxima fronteira do Marketing Digital. Isso significa que você está atrasado caso ainda não esteja se dedicando às suas automações. Talvez você já tenha se deparado com alguns termos que não te soam familiares. E, cá entre nós, os produtos SaaS podem conter jargões até demais. Se você tem curiosidade sobre o marketing de automação e quer acompanhar alguns dos termos da indústria, aqui estão 11 conceitos que acreditamos que você deve saber: 1. Gatilho / Trigger / Ponto de Entrada Não, isso não tem nada a ver com armas. O gatilho é onde uma automação começa, com base em determinadas ações, como por exemplo adicionar contatos a uma lista específica, enviar um email ou até mesmo com base em ações tomadas por um contato ou um grupo de contatos. 2. Visitante Um visitante é um usuário anônimo que visita seu site. Seu objetivo deve ser ao menos obter o email dessa pessoa. Uma vez que você obteve seu email, você tem um contato ou lead. 3. Condição Dentro da sua automação, você pode definir as condições para cada uma das ações que você deseja que ela execute. Isso significa que você pode segmentar os contatos com base em seu engajamento com os emails que você enviou anteriormente na mesma automação, segmentos do qual eles já fazem parte ou até mesmo as interações deles com seu site. [caption id=\"attachment_9943\" align=\"aligncenter\" width=\"1400\"] Estas são algumas das condições que você pode usar ao criar uma série de emails para se comunicar com seus contatos usando o Automation Pro.[/caption] 4. Contato, Lead ou Prospect Qual dos três termos você utiliza provavelmente depende do segmento com o qual você trabalha. O que isso significa para você é que, uma vez que um visitante te der suas informações de contato, ele se torna um lead. 5. Lista Em Marketing de Automação, uma lista é a coleção de contatos ou endereços de email que lhe permitirão se comunicar com eles. 6. Segmento Um segmento é o resultado do processo de organização de sua lista. Isso significa separar seus contatos e público-alvo em grupos de necessidades específicas, preferências e até mesmo experiências desejadas. [caption id=\"attachment_9944\" align=\"aligncenter\" width=\"1400\"] Para alcançar uma maior taxa de sucesso com base em seus objetivos, segmente seus contatos para garantir que cada email atinja o público-alvo o mais certeiro possível. Isso mantém sua automação de email relevante.[/caption] 7. Drip Uma “drip campaign” é um outro nome para uma automação de email. Ambos esses conceitos nada mais são que uma série programada de emails a serem enviadas em um determinado período. 8. Jornada / Flow do Email Toda automação que você inicia deve ser baseada em metas, portanto o “flow” é o que você colocaria como passos ou etapas que sua automação precisa ter para alcançar um objetivo específico. 9. Meta Conforme mencionado acima, cada automação deve ter um resultado claro desejado, onde algumas das metas mais comuns são: Onboarding: ensinar seus inscritos como usar seu produto Engajamento: incentivar seus inscritos a interagir com sua empresa Retenção: Fazer com que seus clientes sempre voltem a sua marca ou empresa Re-engajamento: incentivar clientes ou inscritos a voltar a usar seu produto caso tenham parado Na realidade, existem muitas outras possibilidades. 10. Formulário de inscrição Você já deveria ter um desses em seu site, mas, caso contrário, um formulário de inscrição permitirá que você colete informações de contato de seus visitantes para poder criar campanhas voltadas a eles. 11. Automation Pro Esta é a ferramenta mais prática do mercado para gerenciar e criar seu marketing de automação (O quê? Você pensou que eu não usaria essa oportunidade para falar sobre nossa incrível ferramenta?). Clique aqui para saber mais. Bem, aí está. O marketing de automação está se tornando cada vez mais onipresente. Logo, este é um bom começo para você ter uma idéia do que significam os termos mais usados do mercado. Existem outros conceitos que você ainda não conhece relacionados à automação? Deixe um comentário abaixo e com certeza responderemos qualquer dúvida.


Ler Mais
Adapte sua Estratégia de Email Marketing ao GDPR

Adapte sua Estratégia de Email Marketing ao GDPR

Marketing na Prática • 6 de maio de 2018

No dia 11 de abril de 2018, realizamos um webinar em inglês abordando os pontos-chave em que o novo Regulamento Geral de Proteção de Dados (GDPR) pode afetar sua estratégia de email marketing. Não se esqueça de que o GDPR entrará em vigor no dia 25 de maio de 2018, então sua estratégia de email marketing deve estar de acordo com as novas normas até lá. Nota do editor: a Benchmark fornece informações durante o webinar e neste artigo apenas para fins informativos. Tais informações não podem ser entendidas como aconselhamento jurídico. Para obter conselhos sobre qualquer assunto ou aspecto relacionado ao GDPR, você deve entrar em contato com seu advogado. Qual é o objetivo do novo GDPR? O principal objetivo do novo GDPR é fornecer aos usuários controle final sobre seus dados pessoais. Quais benefícios o novo GDPR fornece? Um continente, uma lei: uma única lei pan-europeia para a proteção de dados, substituindo as atuais e inconsistentes leis nacionais. As empresas lidam com apenas uma lei, não com 28. “One-stop-shop”: Uma \"one-stop-shop\" para empresas. As empresas terão de lidar apenas com uma única autoridade de supervisão e não com 28, tornando mais simples e mais barato para as empresas fazerem negócios na União Europeia. As mesmas regras para todas as empresas - independente de onde são baseadas: Atualmente, as empresas europeias têm de aderir a normas mais estritas do que as empresas estabelecidas fora da UE, mas também realizando negócios no nosso mercado único. Com a reforma, as empresas sediadas fora da Europa terão de aplicar as mesmas regras quando oferecerem bens ou serviços no mercado da UE. Isso cria um campo de jogo nivelado. Neutralidade Tecnológica: o regulamento permite que a inovação continue a prosperar sob as novas regras. Funções e restrições no tratamento de dados pessoais O GDPR estabelece a responsabilidade sobre o “controlador”, que assume a responsabilidade da aplicação do Regulamento. O controlador é quem determina os propósitos e meios do processamento de dados pessoais. Como consequência, o controlador também deve garantir que o modo como os dados pessoais são tratados está em conformidade com o GDPR. Se o controlador, por exemplo, decidir usar a Benchmark como um software de email marketing, ele deve garantir que as ferramentas fornecidas pela Benchmark sejam compatíveis com o GDPR, garantindo o direito de retificação, acesso ou eliminação. Como você provavelmente sabe, a Benchmark fornece essa opção através do link \"Gerenciar assinatura\", que, no entanto, não aparece como obrigatório no rodapé do email. Portanto, é responsabilidade do controlador ativá-lo e adicioná-lo. Nesse cenário, a Benchmark é apenas um simples software de processamento de dados. Consentimento Até agora, quando um assinante se inscrever através de nossos formulários de inscrição, não era obrigatório informá-lo sobre a finalidade das atividades de processamento de dados a serem realizadas. O GDPR menciona que o consentimento deve ser dado por um claro ato afirmativo, estabelecendo uma indicação livre, específica, informada e inequívoca do acordo do titular dos dados, e deve cobrir todas as atividades de processamento realizadas para o mesmo fim ou propósitos. Quando o processamento tem múltiplos propósitos, o consentimento deve ser dado para todos eles. Além disso, quando o processamento é baseado no consentimento do titular dos dados, o controlador deve ser capaz de demonstrar que o titular dos dados deu o consentimento para a operação de processamento. Coleta O GDPR defende a simplicidade na coleta de dados. Como profissionais de marketing, tendemos a solicitar mais detalhes do que o necessário (por exemplo, para enviar um boletim informativo semanal simples). Este novo Regulamento incentiva a coleta mínima possível para a estratégia de marketing atual e a não solicitar dados desnecessários que possam (ou não) ser úteis no futuro. Acesso O controlador deve conceder a fácil execução dos direitos do titular dos dados, incluindo mecanismos para solicitar e, se for o caso, obter gratuitamente, em particular, acesso, retificação ou exclusão de dados pessoais e o exercício do direito de oposição. Tratamento de dados pessoais O controlador deve informar ao titular dos dados a existência da operação de processamento e os seus objetivos para garantir um processamento justo e transparente. Como a Benchmark está em conformidade com o novo GDPR? “Direito de ser esquecido” Este direito é uma das maiores alterações deste regulamento. Pela primeira vez, este direito é regulado e obriga o controlador a remover completamente os dados, caso o titular dos dados o solicite. Para exercer o direito de ser esquecido, temos dois cenários diferentes: Benchmark | Cliente No caso de qualquer um dos clientes da Benchmark desejar ser “esquecido”, ele precisará solicitar a exclusão da gravação de dados para support@benchmarkemail.com e assim prosseguiremos com a eliminação deles. Benchmark | Cliente | Inscrito Qualquer um dos inscritos de nossos clientes pode solicitar a exclusão de suas listas e registros. É responsabilidade do cliente excluir o assinante de nossos (e outros) sistemas, com uma exceção: se o assinante já tiver cancelado a inscrição, o cliente não poderá remover os dados da lista principal de remoção de inscrições. Se isso acontecer, o cliente deve encaminhar o email do usuário para support@benchmarkemail.com e prosseguiremos com a eliminação do assinante da lista. Acessibilidade / retificação / cancelamento de assinatura O controlador deve incluir a opção \"Gerenciar assinatura\" nas campanhas: Adicionando esta opção, o cliente dá ao sujeito dos dados a opção de acessar, retificar e cancelar a assinatura de seus dados. Quando o assinante clicar nesse link, ele encontrará esta tela: O assinante pode exercer seus direitos aqui. Na Benchmark, estamos atualmente nos preparando para permitir que o titular de dados possa corrigir o restante dos campos e não apenas o email, nome e sobrenome. Consentimento Também estamos atualizando nossos formulários de inscrição para estar em conformidade com o GDPR antes do prazo final em maio. Vamos incluir a caixa de seleção obrigatória vinculada à política de privacidade do controlador. Transferência internacional de dados pessoais: O artigo 45º diz que a transferência de dados pessoais para um país terceiro ou uma organização internacional pode ter lugar quando a Comissão tiver decidido que o país terceiro, um território ou um ou mais setores especificados nesse país ou organização em questão garantem um nível adequado de proteção. Tal transferência não exigirá nenhuma autorização específica. Esta transferência internacional de dados pessoais é garantida pelo Acordo EU-US Privacy Shield, cuja certificação a Benchmark possui: Política de privacidade Estamos adaptando nossa política de privacidade para estar em conformidade com o GDPR. Nas próximas semanas, enviaremos um email com as atualizações para todos os nossos clientes. Localização de servidores Nunca antes foi uma obrigação ter servidores na Europa, mas com o novo GDPR é ainda menos necessário. Um dos objetivos do GDPR é equiparar a proteção de dados que as empresas européias estão cumprindo com a que as empresas estrangeiras aplicam, de modo que todas as empresas sejam obrigadas a competir em igualdade de condições. Encontre a gravação do nosso Webinar aqui (em inglês): RGPD - EN - bmesrv Se este artigo foi interessante para você, compartilhe com seus amigos!


Ler Mais
1 2 3 4 5